Em busca da classificação para as quartas, Fortaleza vai até Curitiba enfrentar o Athletico

Foto – Diário do Nordeste

O Leão vai a Curitiba medir forças contra o Athletico/PR pela segunda partida das oitavas de final da Copa do Brasil. O duelo acontece nesta quarta-feira (5), às 19h15, na Arena da Baixada.

Para avançar de fase, o Tricolor do Piciprecisa apenas de uma vitória simples contra os paranaenses, já que empatou por 0 a 0 no primeiro jogo, na Arena Castelão. Em caso de um novo empate, a partida vai para os pênaltis.

Como não há a regra do gol qualificado, apenas a vitória garante a classificação para Athletico-PR ou Fortaleza no tempo normal. Qualquer empate leva a decisão para a disputa por pênaltis.

LEÃO
No Fortaleza, o técnico Rogério Ceni terá de mexer bastante no time, já que tem quatro desfalques. Os atacantes Edinho e Wellington Paulista estão lesionados e o volante Juninho e o atacante Kieza não podem jogar na Copa do Brasil porque já atuaram por outras equipes nesta competição.

A tendência é que o ataque seja formado por Osvaldo, Romarinho e André Luís. No meio de campo, como já aconteceu na partida de ida, Araruna deve ser escalado ao lado de Paulo Roberto, mas o volante Felipe também pode ganhar uma oportunidade.

FURACÃO

Para essa partida, o técnico Tiago Nunes pode contar com os retornos do lateral-direito Jonathan e do zagueiro Paulo André, poupados da partida contra o Fluminense, pelo Campeonato Brasileiro, no último domingo. No entanto, o treinador não confirmou os seus retornos e, caso não tenham se recuperado totalmente, seguem dando espaço a Madson e Lucas Halter.

Na lateral esquerda, Renan Lodi segue convocado pela seleção brasileira sub-23 para o Torneio Maurice Revello, mais conhecido como Torneio de Toulon, na França. Apesar de pedidos do Athletico-PR, a CBF não está disposta a desconvocá-lo, que será substituído por Márcio Araújo.

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

Athletico-PR ​Santos; Jonathan, Paulo André, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Wellington, Bruno Guimarães e Léo Cittadini (Lucho González); Nikão, Rony e Marco Ruben.
Fortaleza​ ​Marcelo Boeck; Tinga, Nathan, Juan Quintero e Bruno Melo; Felipe, Araruna; Romarinho, André Luís, Marcinho e Jr. Santos.

Comentários